sexta-feira, 5 de março de 2010

Cada letra é a extensão da palavra que prossegue n'um ritmo descomunalmente avançado e intencionado. Cada palavra une e separa o nexo do conteúdo. Cada frase reflete no que surgirá escrito adiante. Cada texto é compreendido de uma forma por diversos indivíduos. Mas cada sentimento é único e não percorre a outro sem saber o que está a frente te aguardando. Pra tudo há uma prevenção embora pra menos há solução.

Louanny Cury.

Um comentário:

  1. crucificam-me e eu tenho de ser a cruz e os pregos
    estendem-me a taça e eu tenho de ser a cicuta.
    enganam-me e eu tenho de ser a mentira
    incendeiam-me e eu tenho de ser o inferno
    tenho de louvar e de agradecer cada instante do tempo
    o meu alimento é todas as coisas
    o peso exato do universo, a humilhação, o júbilo
    tenho de justificar o que me fere
    não importa a minha felicidade ou infelicidade
    sou poeta

    ResponderExcluir